3 Segredos que o vão ajudar a encontrar o Coach que precisa

by

Escolher um Coach certo não é uma decisão fácil. Poderá seguir o conselho do amigo, poderá seguir uma indicação de alguém que já fez Coaching, poderá inclusive procurar na internet ou nos anúncios de jornal, mas será que isso é exactamente o correto a fazer? O que garante que por ter funcionado com o individuo “A” também vai funcionar consigo?

Quer seja para um processo de Coaching pessoal ou profissional, deparo-me sempre com uma grande confusão na forma como é feita a escolha do Coach.

Sinto que há sempre uma confusão sobre o que é Coaching e o que pode ser obtido através do processo. Por isso esta semana trago 3 segredos que o vão ajudar a encontrar o Coach que precisa.

Segredo nº 1 – Confundir competência com resultado garantido

Se ao contratar um Coach ele lhe assegurar resultados garantidos no processo, cancele o contrato e fuja o mais rápido que puder. A formação que nos é dada durante o processo de certificação (seja pelos princípios da ICF ou de qualquer outra escola), nunca é direcionada para garantir resultados. O que mais ouvimos durante a certificação (e agora comprovo na prática) é que o Coach é responsável pelo processo e pode recorrer a algumas ferramentas para ajudar na caminhada, mas o resultado do processo é (e será sempre) da inteira responsabilidade do cliente (ou Coachee). A competência é-nos ensinada, a prática assegura a deteção de erros e a experiencia assegura que vamos trabalhando com os nossos clientes para se aproximarem dos seus objetivos. Nunca acredite em promessas de resultados garantidos.

Segredo nº 2 – Confundir experiência do Coach com conhecimento no negócio

Um dos grandes erros feitos por quem quer contratar um Coach é tentar conhecer qual o seu grau de experiência profissional numa determinada área ou num determinado nicho de negócio. Seguir este princípio é um erro crasso. Quem disse, ou onde está escrito, que um Coach para fazer Coaching a um gestor tem que saber de gestão? Que para fazer Team Coaching com uma equipa de vendas tem que saber de vendas? Que para fazer Coaching Executivo tem de ser um ex-“C” no passado? Tudo isso é (na minha forma de pensar) um verdadeiro disparate e errado. Não se esqueça que o ser humano tem uma tendência natural para opinar e aconselhar quando domina um determinado tema, área ou profissão. Quando for contratar alguém para um processo de Coaching profissional na área da gestão, o melhor que pode fazer é contratar um Coach que não tem um passado em gestão. Porque? Por que assim ele não leva nenhum quadro referência de experiencias do passado para a sessão. A função do Coach é ser um especialista em fazer as questões certas que permitam o cliente (Coachee) descobrir as respostas aos seus problemas e com estas respostas aproximar-se do seu objetivo.

secret photoSegredo nº 3 – Confundir a lógica com a empatia

Na hora de avançar para o mercado para encontrar um profissional que possa desenvolver um processo de Coaching na sua empresa ou para si e ficar só pela análise do seu curriculum, é redutor, tacanho e pode simplesmente não funcionar. Digo isso por que há que ter em conta um fator que é muito importante na decisão final. Este fator é a empatia entre o Coach e o seu Coachee. Mesmo sendo uma relação de curta duração (6 a 10 sessões), se for criada uma verdadeira química e empatia entre ambos, a possibilidade do processo correr como esperado é muito grande. Já no contrário, quando não é criada a empatia e até mesmo alguma antipatia entre Coach e Coachee, toda a possibilidade de abertura, franqueza, “verdade” e bom ambiente, não vai existir. Ponto final.   

Siga-me pelologo_b

Obrigado por me acompanhar nesta leitura.

Conclusão final

Contratar um processo de Coaching é muito mais do que analisar um CV ou validar se o profissional tem experiência numa determinada área. É tudo uma questão de relações fortes e de empatia entre as partes.

Se com este artigo ficou um pouco mais esclarecido sobre as vantagens de contratar um processo de Coaching, então termino com duas simples perguntas: “Este artigo foi esclarecedor? Ajudei a identificar alguma coisa que queira mudar?

Se não sabe como fazer isso, por que não experienciar como o Coaching pode ajudar? Marque uma sessão Gratuita de Coaching comigo para avaliarmos como poderei trabalhar consigo?

Muito obrigado por ler o meu artigo. Se gostou deste artigo e reconhece que a partir desta informação aprendeu alguma coisa, imagine o que poderá beneficiar se me contratar como Coach?

Se ainda tem dúvida como poderá funcionar consigo, solicite a sua sessão de 30 minutos gratuita, tenho a certeza que depois de conversarmos, vai reconhecer o quanto isso é necessário.

Conheça as condições e o como funciona a minha Fórmula que muda a forma de ser.

Pense nisso!

Complete a frase: VENDER É....
O que captou o seu interesse no Artigo? Titulo do ArtigoPalavra-chavePesquisa Aleatória
Como chegou até ao meu site? NewsletterPesquisa no GoogleOutro site
Como classifica o interesse do Artigo? BaixoSuficienteBomMuito Bom
Sugeria o meu site a algum amigo ou colega? SimNãoProvavelmente
Com que frequência visita o meu site? 1ª visita1 vez/semana1 vez/mêsMuitas vezes
Permita-me saber quem é Nome:
e-mail:
Gostou do Artigo?
O seu feedback é muito importante:
Clique em ->


banner_inquerito

Estes são os meus princípios. Se não vos agrada, tenho outros. (Groucho Marx) Faço vida…

Duas dicas poderosas

Março 13, 2010

Esta semana trago não uma mas duas dicas que poderão ajudar a conseguir mais vendas.…

%d bloggers like this: