Saber receber e aceitar comentários

by

take-feedback-afSei que este tema poderá gerar muita discussão, mas se uma coisa que me fez crescer como pessoa e como vendedor, foi conseguir controlar o “animal” que tinha dentro de mim, sempre que alguém fazia algum comentário menos positivo sobre a minha forma de trabalhar.

Quantas vezes (para não dizer milhares) fiquei completamente furioso com os comentários recebidos por ter falado demais, por não ter falado o que devia, por ter sido sincero, por não ter sido 100% sincero, etc, etc, etc.

Um vendedor tem por excelência achar-se uma estrela, e como estrela, o pior que pode acontecer é aparecer-lhe uma nuvem a frente que lhe tape a sua radiação de luz. Ficar ofuscado, ser avaliado pelos seus superiores e pelos seus pares não é um processo fácil de suportar.

Será que saber receber comentários é uma habilidade que temos todos que desenvolver?

Pense em si ou em alguma pessoa que já teve que fazer um comentário. Você (ou esta pessoa) manteve uma mente aberta e um espírito receptivo a estes comentários ou assumiu uma postura apreensiva, defensiva ou mesmo em fúria?

Pode ser que o aviso que apresento abaixo não elimine a sua apreensão, defensiva ou fúria, mas poderá, de certeza, melhorar a sua forma de receber e interpretar os comentários. Irá aprender como ouvir estes comentários e, em algumas vezes, saber aplicar e melhorar com isso.

Uma nota importante: apesar de ter falado em “outra pessoa”, tudo o que falar a partir daqui, será de carácter pessoal. Não adiantará nada falar no plural, quando a mudança primeiro acontece em nós e depois ajudamos a mudar os outros. Acredite que muito do que falo, aconteceu comigo, soube aproveitar estes comentários, melhorar a minha forma de ser e ajudou-me a “matar” muitos monstros dentro de mim.

Agora pense em você, e vamos a isso:

Apresento-lhe o SIRA. SIRA é um acróstico que descreve os 4 passos que as pessoas passam quando falamos em receber comentários.

  • Surpresa
  • Ira ou raiva
  • Racionalização
  • Aceitação

Não, não irei falar neste artigo a descrição de cada um destes estágios. Só isso daria por si só um excelente artigo. O meu propósito neste artigo e fazer você consciencializar-se que só será bem-sucedido quando souber ultrapassar todas estas fases. Assim que tomar consciência e souber gerir estas fases, irá facilmente diminuir a ira (ou pelo menos saber controla-la) e ser mais paciente consigo mesmo.

Mantenha uma mente aberta

Sempre que alguém lhe fizer um comentário, seja ele formal ou informal, mantenha uma mente aberta. Se souber reagir a um comentário com este espírito, mesmo que seja uma crítica que reconheça que é injusta, é o primeiro passo para conseguir agir de acordo. Lembre-se do processo SIRA, pois se não mantiver um espírito e uma mente aberta, todo o resto do processo é arruinado logo no primeiro degrau desta escalada.

Descubra a lição a retirar

Provavelmente irá estar em desacordo com o ponto de vista de quem faz o comentário. Provavelmente o comentário foi feito somente pelo ponto de vista de quem o faz. Poderá não ser idêntica a opinião de outras tantas pessoas, ou até mesmo totalmente contrária. Independentemente disso, faça disso um objectivo de tentar encontrar uma lição a aprender neste comentário recebido. Mesmo que possa parecer não haver nenhuma lição a vista, acredite que há sempre.

Faça perguntas

Lembre-se que disse que no comentário há sempre uma lição. Mesmo que esteja pouco clara, ao invés de começar a ficar chateado, decida por fazer perguntas a que lhe faz o comentário. Ao se manter curioso e fazer perguntas que lhe permita melhor entender os motivos e a perspectiva do seu interlocutor. Isso fará que conheça todos os detalhes menos claros do comentário.

Peça conselhos

Os comentários são sempre feitos por eventos do passado. E o passado não pode ser mudado. Mas agora tem uma oportunidade de melhorar o futuro. Num determinado ponto da conversa, peça conselhos. Pode ser qualquer coisa como:

  • Como você teria feito se estivesse no meu lugar?
  • Que sugestão pode dar-me para que eu possa fazer melhor da próxima vez?

Fiz estas perguntas dezenas de vezes e funcionaram. Mas no seu caso, o facto de fazer estas perguntas poderá significar não ter que segui-las. É uma decisão sua saber usar as respostas ou não.

Não faça julgamentos antecipados e despersonalize o comentário

Normalmente quando estamos num processo de avaliação, chegamos sempre na defensiva e o que queremos é que dure o menor tempo possível para que possamos desaparecer dali o mais rápido possível não vá começarmos a ouvir comentários menos bons. Mesmo que o comentário possa parecer um ataque pessoal, está nas suas mãos não fazer julgamento antecipados e ouvir estes comentários menos bons como ideias para ser utilizadas na melhoria da sua capacidade profissional. Tecnicamente este ponto está muito ligado ao primeiro onde dizia que deve estar com a mente aberta. No entanto, a atitude de estarmos na defensiva pode ser uma barreira muito difícil de transpor. Esta nas suas mãos mudar.

Saiba agradecer

Na maioria dos casos a intenção de quem está a lhe fazer um comentário é boa. A pessoa realmente quer ajudar-lhe a ser melhor pessoa ou melhor profissional. Claro que haverá algumas situações que achará que a intenção da pessoa não é boa, mas isso não tem a menor importância. Não se esqueça que as palavras não matam e nem retiram-lhe pedaços de carne do corpo. Agradeça SEMPRE. Ao demonstrar uma atitude de gratidão ajudará a aceitar o comentário – E – ao fazer isso acredite que a sua relação e os laços com a pessoa que fez o comentário irá sair reforçado, visto que o seu acto, será interpretado com educado e como diziam os nossos pais quando alguém nos dava alguma coisa, agradeça se faz favor.

Provavelmente irá querer partilhar este artigo com alguns colegas ou pessoas que conhece. Se assim for, fantástico. Faça isso, MAS não faça sem antes reconhecer que este artigo é uma oportunidade para mudar a SUA forma de encarar os comentários. Faça a si mesmo comentários – peça comentários ao seu EU interior sobre como melhor encarar e interpretar os comentários que receber de outros.

Um aviso final. Não se esqueça que está completamente nas suas mãos o controle da forma como recebe e interpreta os comentários. Assuma o controle do seu SIRA se quer crescer como pessoa, profissional pai, amigo, marido, mulher ou o que quer que seja na vida.

Pense nisso e melhore as suas vendas.

No tags for this post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

Rapidinhas – Parte I

Janeiro 30, 2011

Tenho vindo normalmente a publicar artigos que na sua maioria está relacionado somente com um…

Desejos para 2009

Janeiro 4, 2009

O ano de 2008 já lá vai. Chegamos então a aquela altura do ano onde…

Não controle, Influencie

Março 4, 2012

Você pode dizer aos seus colaboradores o que fazer. Você pode dizer aos seus colaboradores…

Motivação não se compra

Setembro 10, 2011

Esta semana foi a primeira semana de Setembro e desde segunda-feira que aqui em Lisboa…

%d bloggers like this: