4 dicas para ultrapassar qualquer problema

Desde que me certifiquei e credenciei como Coach, tenho vindo a desenvolver e a ajudar várias pessoas a avançarem com os seus projectos sejam eles de vida ou profissionais. Tenho ao longo destes últimos anos a lidar com situações complexas e problemas colocados pelos meus clientes que realmente são muito bicudos, porém aos poucos, cada um destes problemas vai sendo resolvido ou ultrapassado.

Hoje quero apresentar um conjunto de dicas que podem ser consideradas, de forma genérica, um guião para conseguir ultrapassar qualquer problema.

PS: não estou de forma nenhuma a simplificar ou minimizar determinados problemas como os de saúde ou familiares. Para isso existem excelentes profissionais no mercado que sabem como trabalhar estes problemas. Tudo o que abordo são temas relacionados com uma vida considerada normal e os casos profissionais.

Dica nº 1 – Faça uma análise SWOT (toda a honestidade possível)

SWOT são as iniciais de Strengths, Weaknesses, Opportunities, e Threats. Que em português pode ser traduzido como Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças.

Quando uso a palavra honestidade é por que somos muitas vezes generosos connosco e amenizamos os defeitos e gostamos muito de majorar as virtudes. No entanto, deve validar de forma real em quê é (mesmo) muito bom? Em que áreas gostaria de ser melhor?

Para mudar alguma coisa sobre si mesmo, primeiro precisará identificar quais são as áreas problemáticas para depois criar uma estratégia para corrigir. Pode começar, por exemplo, por responder a estas questões de forma honesta e aberta:

Artigo relacionado: Como o Coaching trabalha com os melhores profissionais.

Dica nº 2 – Identifique e liste os seus objectivos de vida e profissionais

Agora que já consegui captar a sua atenção sobre a importância de se conhecer melhor, então é hora de começar a aprofundar o tema e passar para a fase de identificar o que pode ser os seus objectivos. Nesta etapa não interessa a ordem pela qual os vai listar. Tudo o que é para si importante e/ou quer alcançar deve constar nesta lista.

Tal como na dica nº1, para melhor saber como identificar os seus objectivos, responda as perguntas a seguir tomando nota das suas respostas numa folha de papel:

Pode parecer estranho a ligação destas perguntas com a definição de objectivos, mas as respostas a estas perguntas ajudarão a explorar e desenvolver os seus talentos.

Depois de escrever as respostas, chegou o momento de definir os seus objectivos.

Há uma regra muito específica para a definição de objectivos. Eles devem seguir o conceito S.M.A.R.T. ou de acordo com a definição do site Portal de Gestão: os objectivos SMART são específicos, mensuráveis, atingíveis, realistas e definidos no tempo. Definir objectivos de acordo com esta metodologia ajuda a definir objectivos que inspiram as pessoas a lutar pela execução, orientado a acção para o que realmente importa fazer, não se desperdiça tempo e energia.

S – Específicos (Specific): os objectivos devem ser formulados de forma específica e precisa;

M – Mensuráveis (Measurable): os objectivos devem ser definidos de forma a poderem ser medidos e analisados em termos de valores ou volumes;

A – Atingíveis (Attainable): a possibilidade de concretização dos objectivos deve estar presente; estes devem ser alcançáveis;

R – Realistas (Realistic): os objectivos não pretendem alcançar fins superiores aos que os meios permitam;

T – Temporizáveis (Time-bound): os objectivos devem ser definidos em termos de duração.

Por fim, Não escreva objectivos começados por: “Eu quero…“, “Eu gostava…“, “Eu acho…“. Comece sempre com “Eu vou …“. É uma importante distinção psicológica.

Dica nº 3 – Controle a execução, evolução e progresso

50% do trabalho já está feito. Agora não basta ter uma folha de papel colada na parede, cheia de linhas com objectivos a serem realizados nos próximos 3, 6 ou 12 meses e não fazer nada mais.

Agora é hora de passar a acção e começar a executar cada um dos objectivos. A medida que o processo vai avançando, deverá criar uma escala que permita registar a evolução no tempo.

Imagine que um dos seus objectivos é perder 10 kilos nos próximos 6 meses. Não vai esperar chegar ao final dos seis meses para se pesar novamente. A cada mês controle o seu peso e a cada kilo perdido, anote a data e o peso actual. A medida que o tempo evolui, caso note um desvio, terá que rever (ou manter) o prazo e/ou a forma de execução do objectivo.

Dica nº 4 – Avaliar os resultados e ajustar a abordagem

A cada acção realizada, dia após dia, fará chegar mais perto do objectivo. Comprometa-se a fazer pequenas alterações de semana para semana e continuar a construir a partir daí.

Nesta dica final é necessário avaliar e testar como está a evoluir todos os meses. É importante ter respostas a seguintes perguntas:

Por fim, silencie os pensamentos negativos e enquadre tudo no positivo (ou seja, “Eu sou”, “Eu vou” ou “Eu posso”). Seja completamente comprometido e terá sucesso. Diga a todos quais comportamentos deseja mudar. Quando falamos aos outros sobre os nossos objectivos isso é um enorme motivador para manter o foco na conclusão dos objectivos.

Não tenha medo de pedir ajuda, lembre-se, no final do dia, a única pessoa que pode assegurar a manutenção do caminho até alcançar os seus sonhos é você. O que separa uma pessoa de alcançar os objectivos das que não atingem é manter o foco e ser persistente em seguir adiante.

Conclusão final

Estas dicas são parte integrante do processo de Coaching que tenho com os meus clientes onde trabalho a melhoria da produtividade e no Desenvolvimento Transformacional nas suas vidas pessoal, profissional, nas empresas e no processo de venda.

Se depois de ler este artigo quer conhecer como o Coaching pode agir de forma positiva na sua vida e na sua empresa, o primeiro passo e clicar no link para ter a sua Sessão Experimental de Coaching.

Muito obrigado por ler o meu artigo.

Pense nisso!

[contact-form-7 404 "Not Found"]
4 dicas para ultrapassar qualquer problema

Wilques Erlacher

ACC Coach Credenciado pela ICF. Especializado em Coach de Desenvolvimento & Transformacional e Director de Vendas na Saphety (empresa do Grupo Sonae). Há mais de 20 anos que trabalho em funções relacionadas com Marketing, Vendas Corporativas, Desenvolvimento de Negócios, Gestão de Clientes, Formação, Mentoria e Consultoria em Vendas. Fui Presidente da Direcção na OV-APPV Associação Portuguesa dos Profissionais de Vendas e trabalhei na Petrogal (actualmente Galp Energia), na Agência Reuters Portugal, na Bull Portuguesa, na Novis Telecom e Mainroad (grupo Sonaecom). Sou keynote speaker, formador e mentor de equipas de vendas, desenvolvi e pratico a metodologia "Venda Melhor – A Fórmula que muda a forma de ser". Trabalho como Coach no desenvolvimento de profissionais em clientes empresarias em Portugal, Colômbia, Brasil, Espanha, França, Itália, Quénia e Cazaquistão. Acredito que há um potencial a ser trabalhado em cada um dos meus clientes, de forma única. O meu lema é “Coaching: It’s all about execution!” Quer falar comigo sobre como ser melhor profissional? email: we@wilqueserlacher.com Skype: w.erlacher telefone: +351 932 558 558

error: Conteúdo protegido contra cópia!