Quando menos significa mais nos negócios

Esta semana estive a visualizar o vídeo do meu amigo João Duarte sobre o seu programa menos no programa The Next Big Idea e, usando a inspiração do programa que incentiva os empreendedores a lançarem o seu negócio próprio com um mínimo de investimento, resolvi escrever este artigo com algumas dicas que acredito serem muito úteis para si, , que está a arrancar com o seu negócio ou a tentar melhorar um existente.

Permita que eu lhe questione o seguinte:

Quantas pessoas conhece que têm mais roupa do que precisa?

Quantas pessoas conhece que têm imensas coisas que não servem para nada?

Quantas pessoas conhece que não olham aos meios para atingir o fim desejado, criando inimigos e ódios por onde passa?

Quantas pessoas conhece que ostentam riquezas mas depois vivem de croquetes e sopa de pacote?

MAIS INFORMAÇÕES CLIQUE AQUI

No mundo dos empreendedores (sejam jovens ou menos jovens) são poucos os que reconhecem a importância do minimalismo. O primeiro pensamento é sempre que o crescimento é igual ao e o resulta de maior ambição. Porém é importante ter consciência que a própria ambição pode ser o maior inimigo do foco.

Tenho certeza que é possível conseguir muito mais, e poupar muitas dores de crescimento, fazendo menos em vários aspectos. Então aqui está para si empreendedor excessivamente ambicioso, excessivamente enérgico e excessivamente excessivo uma lista de ideias onde fazer menos irá ajudar a conseguir muito mais a médio e longo prazo.

Defina poucos mas muito importantes

Se como empreendedor o foco fundamental é ter uma lista de objectivos com 5, 10, 15 ou mais, acredito que isso não significa foco. Antes o contrário. Está a atirar em tantas direções que dificilmente irá acertar em algo.

O número ideal de objectivos que sugiro aos meus clientes de Coaching de Desenvolvimento é três. Depois de definir os três principais objectivos para o seu negócio, avançamos para a estratégia de concretização e passado algum tempo, a maioria dos meus clientes valida que dois são mais que suficiente para avançar com o negócio com foco e determinação (que não significa falta de ambição).

Tenha uma solução única e poderosa

Não adianta criar uma empresa que tem no seu portfólio de produtos e serviços uma lista infindável de itens. Quando vejo os programas do Chef Ramsay uma coisa que ele aplica sempre é uma lista de poucos pratos na ementa. Faz isso justamente para não desperdiçar energia e aplicar, escrupulosamente, a regra de menos é mais.

Siga-me pelologo_b

Os seus clientes e potenciais clientes devem reconhecer que é a pessoa certa pra entregar uma solução poderosa que resolve um problema. Seja mais especialista e menos generalista. Gosto muito deste meu artigo que escrevi em 2008 que explica muito o por quê de não ser mais ou menos. Vale a pena a leitura.

Menos reuniões e mais resultados

Um dos males do seculo XXI, no meu entender, são os excessos de reuniões, principalmente aquelas que são feitas sem um agenda e sem definição do resultado final. Por vezes olho para o meu calendário, está cheio de reuniões e não vejo nenhuma agenda anexada ao convite. Quando isso acontece sinto que vou desperdiçar o meu tempo com algo que não vai resultar em nada (e normalmente acontece).

Se quer realmente fazer o seu negócio crescer, reveja o seu calendário, desmarque e cancele todas as reuniões que não considera de vital importância para o seu negócio. Abrace o de uma agenda limpa e obter mais resultados. Afinal é de resultados que o seu negócio cresce.

Diga “não” mais vezes

Tomei esta decisão há cerca de 4 anos e hoje em dia digo “não” muito mais vezes. Antes sentia que ao dizer “não”, seria rejeitado e esquecido. Ficava com a sensação que perderia negócios. Na altura que dizia mais vezes “sim” faltava-me tempo, sentia que o meu tempo, agenda, disposição e resultados eram geridos pelos outros.

Por vezes é fácil deixar o entusiasmo e a positividade nos prejudicar. Quando está realmente focado nos seus objetivos, a reação padrão a todo o resto deve ser “não”. O mundo precisa trabalhar muito para o convencer fazer algo fora do seu objectivo. Faça como eu, diga “não” e sorria. Principalmente tenha muito orgulho disso.

Regule-se através de um “espelho”

É bem provável que está sobrecarregado de tarefas motivado pela sua grande ambição de crescer, que não percebe que está a fazer muito. É impossível reconhecer isso sem um “espelho”. Encontre uma perspectiva externa par ajudar a manter o equilíbrio. Contrate o serviço de um Coach quer servirá como seu “espelho”. Verá que isso tem um impacto muito positivo no crescimento pessoal e do negócio.   

Habitue-se a realmente fazer “menos”

Fazer menos não é um projecto único, mas um hábito. Lembre-se que estamos programados desde pequenos para actuar no “mais” de forma automática. Se não houver um “espelho”, em poucas semanas já terá esquecido tudo o que acabou de ler e estará novamente sobrecarregado como mais 100 coisas novas.

Crie um ritmo de “menos”. Guarde este artigo nos seus favoritos e regularmente volte a ler a cada três meses para não esquecer de fazer menos.

Conclusão final

Se depois de ler este artigo quer conhecer como o pode agir de forma positiva na sua vida e na sua empresa, o primeiro passo e clicar no link para ter a sua Sessão Experimental de Coaching.

Coaching não é para quem precisa. É para quem quer ser melhor!

Muito obrigado por ler o meu artigo.

Pense nisso!

Complete a frase: VENDER É....
O que captou o seu interesse no Artigo? Titulo do ArtigoPalavra-chavePesquisa Aleatória
Como chegou até ao meu site? NewsletterGoogleLinked InFacebookTwitter
Como classifica o interesse do Artigo? BaixoSuficienteBomMuito Bom
Sugeria o meu site a algum amigo ou colega? SimNão
Com que frequência visita o meu site? 1ª visita1 vez/semana1 vez/mêsMuitas vezes
Nome: email:
Se pudesse fazer-me uma pergunta, qual seria?
Clique em ->
Quando menos significa mais nos negócios

Coach Wilques Erlacher

ACC Coach Credenciado pela ICF. Especializado em Coach de Desenvolvimento & Metafórico e Presidente do Conselho Fiscal da ICF Portugal. Há mais de 20 anos que trabalho em funções relacionadas com Marketing, Vendas Corporativas, Desenvolvimento de Negócios, Gestão de Clientes, Formação, Mentoria e Consultoria em Vendas. O meu lema é: “Coaching não é para quem precisa, é para quem quer ser melhor” Os meus contactos são: email: we@wilqueserlacher.com || Skype: w.erlacher || Tel: +351 932 558 558